POESIA

tati

Tinha acabado de acordar

Aquela cara amassada de travesseiro

O cabelo levemente bagunçado

Rosto de um sono bem dormido

Sem maquiagem

Roupas confortáveis

Toda de preto

De meias e chinelos

Pegou seus óculos de armação preta

Prendeu suavemente seu cabelo

Naquela medida exata que segura o todo

Mas deixa algumas pontas caídas aos ombros

Pôs-se a ler um artigo na internet

Na sua postura elegante e calma

E eu ali

Calado

Observando e contemplando

A poesia de seu corpo

Do seu jeito simples e despojado

No momento tranquilo do dia

Pude sentir a serenidade

Pude ver a feminilidade

Pude admirar a beleza

E com certeza

Agradecer por ter você ao meu lado

E de ser sempre

Um eterno apaixonado.

João Aranha

26/01/2017

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: